Os problemas maturacionais e sua resolução em Winnicott
Os problemas maturacionais e sua resolução em Winnicott

Retomando uma longa tradição na epistemologia, Kuhn caracterizou a ciência empírica normal como atividade de resolução de problemas e comparou esses problemas a quebra-cabeças. Numa parte inicial do presente trabalho, mostrarei que essa concepção pode ser aplicada à atividades de resolução de problemas clínicos tal como concebida e desenvolvida por Freud. O meu principal objetivo é mostrar que a mesma concepção não se aplica à clínica de Winnicott e que essa diferença é mais um ingrediente da mudança paradigmática operada por Winnicott na psicanálise tradicional.  

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *